As bolsas de Helen Robothan

29 agosto 2011 Categories: art bag, nossa seleção por 1 Comentário

Helen Robotham, 28 anos, formada pelo London College of Fashion, que trabalhou como assistente de acessórios na marca Alexander McQueen e Jimmy Choo e é uma das atuais designers de bolsas da Burberry, foi vencedora, em 2009, do Fashion Fringe 2009. Ela chamou a atenção do juri com suas bolsas que, muitas vezes, não se parecem com as bolsas convencionais.

helen_robothan_comquebolsa

“Elas são o que elas não são”: Helen explorou, na sua coleção, o papel da bolsa como um símbolo social. Ela diz que as bolsas são percebidas como um símbolo de status quando, na verdade, deveriam estar longe disso. A coleção com a qual ela ganhou o prêmio em 2009 representa o consumismo do século 21, a dualidade entre o belo e o grotesco e entre a percepção e a realidade. Curiosidade: uma das suas primeiras criações teve como base a esfera, uma de suas obsessões.

Para Helen, as palavras chaves de seu trabalho são: formas esculturais e orgânicas. Em entrevista para o site da vogue Itália, ela disse que suas bolsas devem transformar o que está a sua volta. Seus estilistas preferidos são Rei Kawakubo, Yohji Yamamoto, Hussein Chalayan, Martin Margiela, Vivienne Westwood, Victor & Rolf, Gerd Rothman. Cristobal Balenciaga e uma das suas artistas preferidas é a escultora Louise Bourgeois (1), no Brasil, conhecida pela escultura que está em formato de aranha que está no parque ibirapuera.

Tags:

Uma resposta para : As bolsas de Helen Robothan

  1. Cami Dan disse:

    trabalho incriiivel!!!